Após o CEO do Facebook, Mark Zuckerberg anunciar uma grande mudança no feed de notícias dos usuários, as ações da empresa despencaram no mercado de valores. 

Por volta das 12h (horário de Brasília,) os papéis da rede social caíam 5%, para 179 dólares.

No anúncio de alteração do feed, Zuckerberg disse que a rede irá priorizar o conteúdo de amigos e familiares, em detrimento das páginas curtidas. Assim, a quantidade de conteúdo não publicitário de empresas de mídia, celebridades e marcas nos feeds será reduzida.

A medida é vista como um golpe contra aqueles que investiram em impulsionamento para alcançarem mais curtidas.