O comandante do Exército, general Eduardo Villas Bôas, em entrevista ao Estadão, disse ter esperança de que o Brasil aponte para novas lideranças em 2018. 

Villas Bôas quer novos líderes, e que apontem novos caminhos, e citou como exemplo Margareth Thatcher no Reino Unido e Ronald Reagan nos Estados Unidos.

Confira o que ele disse:

“Tenho esperança de que a próxima eleição dê oportunidade de que novas lideranças, com base em novos campos de pensamento, possam nos apontar soluções. Um grande mal que acho que nós estamos vivendo é a falta de lideranças. Toda nação, quando em crise, vê surgir líderes com estofo para apontar caminhos novos. Nós tivemos, por exemplo, Margareth Thatcher no Reino Unido, Ronald Reagan nos Estados Unidos, quando os Estados Unidos entravam numa crise séria, o Emmanuel Macron, agora, na França, que teve capacidade de interpretar a realidade e apontar um novo caminho. Acredito que é um processo natural que deve acontecer conosco. É a esperança que tenho em 2018".

O general está falando de Jair Bolsonaro ?