O caso aconteceu próximo ao aeroporto de Chengdu, na China. Durante um voo operado pela Sichuan Airlines a janela do avião estourou com a quebra de um para-brisa forçando o piloto a pousar a aeronave. 

De acordo com uma autoridade da CAA, órgão da aviação civil da China, a janela quebrou quando o avião estava a 10 mil metros de altitude e a temperatura era entre -30ºC e -40ºC. Houve despressurização da cabine.

O copiloto foi parcialmente sugado para fora da aeronave. Ele sofreu arranhões e torceu o pulso. Um outro membro da tripulação ficou ferido no incidente, mas nenhum dos 119 passageiros se machucou.

“Quando olhei para o lado, o copiloto estava parcialmente sugado para fora da aeronave. Por sorte, ele estava com o cinto afivelado. Muitos dispositivos estavam com defeito e o avião estava balançando fortemente. Foi muito difícil controlar”, disse o capitão Liu Chuanjian, de acordo com a agência China News Service.

Com G1 e China News Service.