Uma mulher de 29 anos foi detida após atear fogo em uma imagem de Nossa Senhora Aparecida em frente a uma igreja, na segunda-feira (18).

O caso aconteceu no município de Santa Carmem, a 493 km de Cuiabá.

Segundo a polícia, a mulher tem problemas mentais e, após ser detida, alegou ter feito o ato em nome de Deus.

Nas redes sociais, o ato causou revolta nos moradores.

“Hoje amanheceu com uma notícia triste, na qual atearam fogo na imagem da praça paroquial... Anoiteceu com outra cena chocante, chuva e vendaval. Basta observar e interpretar os sinais”, diz uma publicação no Facebook.

A mulher foi encaminhada para uma unidade hospitalar onde foi medicada.

A Igreja ainda não decidiu qual medida será tomada em relação a imagem da Santa.