A Polícia conseguiu retratos falados de envolvidos no sequestro e na morte da policial militar Juliane dos Santos Duarte em Paraisópolis, na zona sul da cidade de São Paulo.

Os desenhos foram feitos com com base em depoimentos de testemunhas que estavam no bar. O SP2 divulgou as imagens. 

Um deles (o da esquerda) representaria um dos homens suspeitos de sequestrar e matar a policial. O outro (o da direita), é de Felipe Oliveira da Silva, o Silvinho, que já está preso, segundo a Polícia. 

Quatro testemunhas o reconheceram como um dos homens que sequestraram a policial. Em depoimento, Felipe confirmou que aceitou levar a moto para longe de Paraisópolis, mas nega participação no assassinato.

A PM Juliane foi morta com um tiro na cabeça. O corpo dela foi encontrado no porta-malas de um carro.