Um acidente  por volta das 22h de terça-feira na altura do km 29 da Imigrantes, no sentido capital, deixou 2 mulheres mortas. 

Segundo testemunhas, o condutor do Mercedes, o empresário André Veloso Micheletti, estaria supostamente tirando racha com um Camaro preto. 

Uma denúncia anônima fez com que a polícia chegasse ao condutor do Camaro, que é um policial civil. O investigador do 6º DP (Cambuci) da capital, o policial de 46 anos admitiu em depoimento nesta quinta, que dirigia o veículo de luxo na noite de terça na Imigrantes, mas negou que tenha disputado um racha.

O policial afirmou também que o Camaro pertence ao seu filho e que dirigia a 120 km/h pela Imigrantes na noite de terça, quando voltava do litoral sul ao lado de outro filho, de 11 anos.

Com a suspeita de participação do policial no acidente, o caso será investigado pela Corregedoria da Polícia Civil.