Uma quadrilha explodiu um carro-forte em uma rodovia em Cajuru, a 70 quilômetros de Ribeirão Preto. Segundo informações, os criminosos conseguiram levar dinheiro na ação. 

Dois policiais militares foram baleados. A ocorrência foi por volta das 8h30 desta quarta-feira (7).

Pelo menos 10 homens armados de fuzis participaram utilizando dois veículos, um HB20 e uma Pajero. A ação destruiu completamente o carro-forte. A quadrilha chegou a abrir fogo contra o helicóptero Águia da PM.

A investigação preliminar suspeita que os criminosos sejam os mesmos que atacaram a unidade da Brinks, da Lagoinha, no dia 29 de outubro, na zona Leste de Ribeirão Preto. Desta vez, porém, o alvo foi um carro da Protege. 

Em nota, a Protege confirmou o ataque. 

"A empresa confirma que foi vítima de uma ação criminosa na região de Ribeirão Preto. Informamos que todos os colaboradores estão em segurança e estamos colaborando com as autoridades na investigação em curso", informou.

Um cinegrafista amador conseguiu flagrar o momento em que os bandidos fizeram disparos contra o helicóptero da PM.

Confira;