O Hospital Sírio-Libanês confirmou que o contador João Muniz Leite visitou Glaucos da Costamarques três vezes no final de 2015. A informação corrobora com a versão de Costamarques.

O hospital, no entanto, disse não ter encontrado registros da visita de Roberto Teixeira, advogado e compadre de Lula.

Em sua versão, Glaucos contou que o contador o visitou para colher assinaturas de recibos de aluguel referentes ao ano de 2015. 

O manifestação do hospital foi a pedido do juiz Sérgio Moro.