O juiz federal de Brasília, Vallisney Oliveira, acaba de receber a denúncia do quadrilhão do PT e tornou réus Lula, Dilma Rousseff, Guido Mantega, Antonio Palocci e João Vaccari Neto.

Segundo o juiz, existem indícios suficientes para a abertura da ação penal pelo crime de organização criminosa.

Na denúncia apresentada por Rodrigo Janot, o ex-PGR disse que “verificou-se o desenho de um grupo criminoso organizado, amplo e complexo, com uma miríade de atores que se interligam em uma estrutura de vínculos horizontais, em modelo cooperativista, nos quais os integrantes agem em comunhão de esforços e objetivos, bem como em uma estrutura mais verticalizada e hierarquizada, com centros estratégicos, de comando, controle e tomadas de decisões mais relevantes”.

O caso começou a tramitar no STF no ano passado, mas foi remetido à primeira instância após os acusados deixarem os cargos e perderam foro privilegiado.